Notícias

Oeiras realiza campanha pela paz no trânsito

9 out 2017
Foto: Thiago Luís - Câmara dos Deputados

Foto: Thiago Luís – Câmara dos Deputados

A defensora pública Jannayna Nobre perdeu a mãe num acidente de trânsito, há um mês. A técnica de enfermagem Francisca Lima fazia caminhada numa ciclovia, na cidade de Oeiras, quando foi atropelada por um veículo conduzido por um homem embriagado e sem habilitação. Seguindo o lema da mãe “fazer o bem sem olhar a quem”, Jannayna resolveu amenizar a dor da perda com uma campanha educativa para reduzir os números de acidentes de trânsito na cidade, que tem matado pessoas e deixado outras com sequelas.

“Chamei Oeiras para mudar o trânsito da cidade. E a sociedade queria tanto isso que, hoje, com apoio de toda essa sociedade, igrejas, entidades nos abraçamos para dizr a uma só voz que queremos mudança. Eu espero que, de hoje em diante, Oeiras, realmente, tenha um novo caminho”, disse Jannayna.

“É uma campanha que uniu os oeirenses. Agora está sendo plantada uma semente, que deve ser cultivada para que possa apresentar resultados positivos mais tarde”, disse o deputado federal Assis Carvalho (PT/PI), que participou de uma audiência pública que lotou o Ginásio Santaninha, na cidade, nesta sexta-feira (7). A sessão solicitada pelo vereador Beron Moraes, e aprovada por unanimidade, debateu ações e projetos por um trânsito mais humanizado e seguro.

A campanha é liderada por Jannayna Nobre, o diretor do Hospital Regional, Alípio Sady e um grupo de amigos, que criaram o ATV – Amigos no Trânsito pela Vida. Eles mobilizaram cidadãs e cidadãos oeirenses, escolas, igrejas, sindicatos, associações comunitárias, órgãos públicos estaduais, câmara municipal, meios de comunicação, polícia e outras entidades com o objetivo de promover a educação no trânsito a fim de reduzir o número de acidentes e mortes na cidade.

A primeira série de eventos aconteceu na semana passada, com caminhada, palestras, blitzen educativas, distribuição de panfletos nas ruas. E já conquistou a primeira vitória: pressionado pela força do movimento, o prefeito da cidade sancionou a lei que municipaliza o trânsito. Foi a primeira vitória do movimento.

O foco da campanha é educação e a noção de que trânsito é responsabilidade de todos. Escolas, igrejas, empresas se comprometeram em fazer um trabalho de educação permanente. “Esse trabalho é importante, é necessário, e a igreja vai participar, nas reflexões, nas pregações feitas nas igrejas, há muitas formas de colaborar”, disse o bispo de Oeiras, dom Edilson Nobre.